terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

eh VerdaDe - Carnavais Passados!

OLHA O EH CARTOON AÊ GEENTE!!!

eh CarTOON, voltando com mais um post eh VerdaDe!

Dessa vez, é pra fechar o assunto carnaval! Lembrei de uma história que aconteceu um tempinho desses, e é simplesmente sensacional! Envolve uma conversa recente...lembranças do passado...falsas acusações (calhúnias, como diz o Seu Madruga)...e reviravoltas!

Sentiu o drama? :D

Tudo isso..tendo como pano de fundo...o carnaval!

Certo, vamos lá!

Aqui em Belém, durante o período de carnaval..acontece um troço muito estranho. A cidade, que geralmente é agitada pra cacete...fica tranquilona. Quase como aquela merda de cidade, do filme Eu Sou a Lenda!

O motivo, é que o povo todo se manda pras praias e interiores do estado. Pra dançar o rebolation, eu acho...

Bom; como eu fiquei por aqui...peguei um dia, no final de semana, pra dar uma volta com a família. Fomos a um lugar que eu curto bastante, chamado Estação das Docas; que é um ambiente aberto...onde rola algumas exposições...tem cinema, restaurantes..tudo isso, de frente pro rio. Só não vou desenhar pela preguiça..

O lance é que chegando lá na Estação, eis que tava rolando um puta carnaval. Daqueles de marchinhas, sabe? Só que eu acho que era mais voltado pra criança..porque tinha moleque saindo pelo ladrão. Tinha muito moleque! E como moleque fantasiado é um negócio engraçado..acabamos ficando um tempo por lá!

Eu e minha irmã Neta (é, o nome dela é Neta..), estávamos escorados num canto, fazendo o que a gente sabe fazer de melhor: falar besteira e colocar apelido nos outros. Dom que Deus nos deu!


Ficamos analisando as fantasias mais bacanas, e falando sobre umas coisas que são típicas dessa época do ano. Tipo...só mesmo no carnaval, pra gente ver um filha da mãe, de um moleque..vestido desse jeito!


Interessante também, como sempre tem aqueles pais, que esperam o carnaval, pra vestir as suas filhas gorduchas de odalisca. Sempre tem um grande número de odaliscas redondas, nesses bailes de carnaval..


Pois então....tudo ia bem...até que vimos uma peste de um moleque, correndo com aquele spray de festa, sabe? O desgramado tava aterrorizando todo mundo com aquela porcaria!



Ficamos olhando aquela maluquice....e então, me passou uma coisa pela cabeça. Uma lembrança. Dos meus carnavais passados. Quando eu era moleque!



Virei pra Neta e falei: Criança é um bicho meio malvado mesmo, né? Hehe..

Continuei: ..tava olhando esse moleque, e lembrei duns carnavais de rua, lá na frente da casa da vovó. O lance da molecada eram os confetes. A gente ficava jogando aquela porcaria um no outro....e quando acabava...nós juntávamos tudo do chão (com sujeira mesmo...) e voltávamos a jogar! Reciclagem, né?

- Eu lembro que a ruindade era tanta, que a gente (eu principalmente..) tacava aquilo era na cara dos outros. Pra se socializar, sabe?

PAM!


- AI CARAMBA, FOI TU!!!


- EU O QUE???


- Foi tu quem.......jogou confete..na minha cara..quando eu era pequena!!!


- E caiu.....caiu no meu olho!



Situação difícil, né? Pois é....

- ehhh...Neta; não fui eu não! Eu não lembro de ter tacado confete na tua cara! Então...não fui eu...deve ter sido outro..


- Foi TU! Eu sei que foi!


- ...não. Não foi não!


- Foi sim! Ahhh, a sorte é que eu não lembro a cara. Foi tu, não foi?


- ......não!


...(minutos de silêncio...)


...(minutos de silêncio...)

.......

É ISSO! :D


Bom, pessoal..eu vou ser sincero! Tentei lembrar, de verdade, se eu tinha feito uma sacanagem dessas com a minha irmã.......mas não saiu nada! Então...eu realmente...acredito na minha inocência. Tá provado já!

Sou adepto do sábio ditado de bêbado, que diz: ...Se eu não lembro...eu não fiz!

O cara chega com o outro e diz: - Pow, cara...encheu a cara ontem, hein? Fez maior presepada! Tirou a roupa...dançou em cima da mesa..depois quis brigar...

O outro cara tranquilamente responde: - Olha mermão...eu não lembro disso não. Portanto.....se eu não lembro...eu não fiz! Tchan! :D

AbraçãO a todos! Em especial, à minha irmã, que é minha companheirona desde sempre!

"Arioca, você é minha cachaça"!


...(minutos de silêncio..)

14 comentários:

davicoelho disse...

kkkkkkkkkk eu tb acho q foi tu....

Isaac Braz disse...

Eu não acho! Hehehe..

...é sério! :D

AbraçãO, Davicu!

Filipe Zé disse...

Grande Isaac. A quanto tempo my brother. Desenhando muito, como sempre. Hilária tua história verídica. A forma como você conta a história é bem extrovertida e espontânea, o que dá prazer de ler. Mas admita Isaac: foi tu que jogou o confete. Pode contar, eu guardo segredo. Abração rapá.

Isaac Braz disse...

Grande Filipe Zé; bacana receber a tua visita por aqui, cara! Bom tu estás de volta à essa vida de blogagem!

Pow, Filipe, eu fico muito alegre com os comentários, rapá. Saber que cês curtiram a história. É bem bacana mesmo!

Quanto ao confete...

...sou inocente, cara! Tá...praticamente provado! Hehehehe..

..é sério! :D

Abração, meu irmão!

Cris Mitsue disse...

HAHAHAHHAHAHAHAHHA
Muito bom o jeito que tu retratou esse acontecimento... Aaaahh, adorei! Seus desenhos são realmente ótimos! Mas enfim...
Uma dica: caso foi você que jogou confete na sua irmã, melhor nem contar, sabe.. Vai que ela planeja uma vingancinha.. Aí vai ser pior, hein kkkk XD Beijocas

Isaac Braz disse...

Hehehehe.É Cris....caso fosse eu..

Mas...não fui eu não! Sou só um pobre coitado, vítima de "calhúnia"!

Brigadão pelo comentário, Cris! Só de saber que tu curtites o post, já fico com aquele sorriso estranho, de orelha à orelha!

AbraçãO!

Diego Novaes disse...

HAHAHAAHAHA!!!

Viajei na tua história, meu camarada!!!

Tem coisa que é melhor deixar no passado!!

Passa lá no blog, tem uma reportagem lá..hehehe...

Grande abraço Isaquito!!!

Isaac Braz disse...

Hehehe. Acho que tu estás certo, Dieguito...tem coisa que é melhor deixar pra lá...

..só falei mesmo, porque não tive nada a ver com isso..

Legal que tu curtistes a história, cara...e valeu por comentar!

Grande abraço e, podeixar que passo lá no teu blog pra ver as novidades!

ㅤℓєyd disse...

hehehe essa é otima hein Isaac..
conhecendo a "Neta" q conheço ela as vezes é dificil de errar hehe..
mas como todos tbm acho..mas uma na vila ^^..fala logo a verdadeee menino =]..BjS =*

Isaac Braz disse...

Haha. Pow, Leyd, não me acusa não! :D

Olha só, um dia desses eu tava falando aqui em casa: 1) Ninguém viu eu jogar nada na cara da nossa querida Netoca; 2) Ninguém tem prova; 3) eu não lembro de ter feito nada...e ainda tô com a consciência tranquilona (o que é meio milagre..).

Então...tá provado já!

Abração pra ti, Leyd!

Flávia Lima disse...

KKKKKK
muito boa a história jr.
me espoquei de rir...
és muito criativo hein...
mesmo sabendo que essa ai foi verdade!

ficou muito legal!
mas n taca mais confete na cara da minha amiga n ta! rsrsrs

bjs

Isaac Braz disse...

Valeu, Flávia. Bacana saber que tu gostastes da história!

Agora....quanto a acusação.....é feio apontar o dedo pra um inocente, viu?

CALHÚNIA! Hehehe..abraçãO pra ti!

Jonas Santos disse...

putz!! q história hien! hahuaha, tava precisando rir assim num domingo, heh,, valeu pela visita Isaac, abç!

Isaac Braz disse...

POw, Jonas, valeu, cara!

Bacana saber que tu curtistes e...que fez diferença no teu domingão!

Um abração pra ti, rapá!

Creative Commons License Obras licenciadas sob uma Licença Creative Commons.
Tecnologia do Blogger.