domingo, 29 de agosto de 2010

Cadê o HuGO que tava aqui?!


Em 2008, a escritora, jornalista e roteirista de televisão (por muitos anos, do Programa do Jô), Diléa Frate, resolveu adaptar um de seus livros mais conhecidos, para a forma de peça teatral (sob a direção de Luis Igreja).

O livro infantil, chamado Procura-se Hugo, saiu curiosamente de uma história real. Diléa tinha mesmo um cahorro chamado Hugo, que era o maior fujão do mundo! Fugiu tanto mas tanto...que um dia não voltou; e Diléa então, resolveu escrever sobre o cachorro e suas possíveis aventuras.

Bom, eu tô falando da Diléa e do Hugo, aqui no eh CarTOON...e nem deixei claro uma questão bem importante: Que raios eu tenho haver com isso? ...Ora pois! Eu participei da peça(yeah)! E não como um cachorro figurante...mas como animador (yeahhhh)!

PEDAAAAALA ROBIIIIINHO!!!

Como o espetáculo era voltado pra molecada, havia uma diversidade muito legal de linguagem áudio-visual; desde atores vestidos de bicho (o que é óbvio, né?), passando por bonecos, e trechos da história, contados em forma de animação (é aqui que eu apareço). Junta tudo isso, mais uma trilha feita por compositores, como o doidão do Tom Zé e Guilherme Arantes. Bacana, né? Pois é...

Eu recebi o convite pra participar do projeto, através do então diretor de animação, do espetáculo - o grande Marcos Magalhães (grande mesmo; o cara, além de sensacional, é alto pra caramba). O Marcos é um dos pioneiros da animação no Brasil, além de ser um dos fundadores do festival Anima Mundi (do qual eu taanto falo :D).

Uma das coisas mais legais, da nossa etapa de produção - minha e do Marcos - era que além da animação, havia a necessidade de redesenhar alguns personagens principais da história, pra um melhor funcionamento na hora de animar. Isso eu curti muito, fazer!

O Hugo, por exemplo, por se tratar de um filhote, precisava ter cara de curioso, sabe? Narigão de curioso e olho arregalado, de curioso. Esse personagem, em especial, parece que simplesmente apareceu! Ainda nos primeiros rascunhos encontramos o nosso Hugo!

Esse cachorro já tem cara de fujão! Não adianta!

Além do Hugo, outra personagem que dava as caras nos vídeos, era a galinha Cacá! Responsável por quase todas as falas das cenas - a tagarela Cacá, foi inspirada numa pessoa real - que, pelo o que eu soube depois, curtiu a homenagem. Hehe...

Cacá é puro charme em forma de galinha! O problema é quando fala...

Pessoal, por fim, eu deixo as duas cenas que eu tive o prazer (e o trabalhão também. O tempo foi curtíssimo) de animar, com a direção do sr. Marcos Magalhães!

Ah, a peça foi um sucesso danado! Casa cheia, durante toda a temporada que esteve em cartaz! Eu não pude ver na época, mas ouvi muita coisa legal, tanto do espetáculo,em sí, quanto das animações! O pessoal curtiu tanto os personagens, que eles os utilizaram em todo o conteúdo promocional da peça. Maneirão, né?!

Óh! Viu lá em cima? Viu? Não importa! Vê de novo!

Aproveitando a oportunidade, então...quero mandar um grande abraço a todos os envolvidos nesse projeto! Um ABRAÇÃO, também, a todos os amigos e amigas que visitam o eh CarTOON! Agradeço mesmo, as visitas e os comentários!

11 comentários:

Renatinha disse...

Que bunitinhu!!!!
Adorei!Fiquei até com vontade de assistir tudo!
Vc tem mesmo a manhã!
Falows!

Isaac Braz disse...

Hehehe. Valeu, Renatinha! Que bom que gostou! Fico felizão, com a tua visita, e teu comentário!

Abração pra ti!

Bruno Comotti disse...

Ei Isaac, muito bom seu trabalho!
Seu traço é d+!Bem original!
Abraço!

Glen Batoca disse...

Excelente os novos trampos Isaac!Parabéns cara,o dog ficou muito show!

Isaac Braz disse...

Valeu mesmo, Brunão! Te parabenizo pelo teu trabalho também. Tuas caricas são super-ultra-ducacete!

Um grande abraço!

Isaac Braz disse...

Grande Glen Batoca; é muito bom ver um comentário teu por aqui, cara! Fico feliz mesmo!

Legal que tu tens curtido os trabalhos também! A tua opinião (assim como as dos demais visitantes do blog) é super importante pra mim!

Abração, meu chapa! Brigadão pela visita!

Jonas Santos disse...

Grande Isaac, belo projeto meu caro!!, vc merece!!! curto muito animação, tentei uma vez fazer um curso a um tempo atrás, mas sinceramente...não consegui me ver ali, muito difícil brother!
hehe, é por essas e outras que admiro muito quem faz... parabéns, abção!

Cris Mitsue disse...

Isaac! Deve estar cansado de ler/ouvir isso, mas ficou muito bom mesmo! :D Parabéns! E continue com esse trabalho meega divertido!

Aliás.. isso me lembrou certas coisas.. eu também tinha um cachorro que sempre fugia pelo portão de casa (já que tinha uma fresta que dava pra sair facilmente). De tantas fugidas, uma foi definitiva: nunca mais voltou. Até hoje eu não sei onde o bicho foi parar! XD

Mas.. bate a saudade, sabe?

Enfim, aí seria "Procura-se Johnny" ahusdHAsu

Bom, mais uma vez, adorei o trabalho! Beijocass :D

Cris Mitsue disse...

Ah, só lembrando agora, esses dias montei uma criatura estranha, porém meiga rs (a Edna), que inclusive virou personagem no blog e fiz uma pequena (tosca talvez) e singela mini-metragem em stop motion. Espero que veja e me diga o que achou. Tá lá no blog :D Ficarei grata. Beijocas!

Isaac Braz disse...

Animação é uma coisa insana mesmo, né, Jonas? Hehehe.

Mas sabe, cara...eu curto demais a técnica. O lance de ilustrar as coisas mais palpáveis, à abstrações puras (um sonho, sei lá..). É muito maneiro, cara. Dar vida a personagens; pensar nos trejeitos...poha, é muito louco!

Brigadão pelas palavras, meu irmão. Bom saber que tu curtistes o projeto!

Isaac Braz disse...

Criiiis Mitsue! Curto demais os teus comentários, Cris! Sempre tem algo a complementar! Simplesmente sensacional!

Eu ri, por exemplo, do "Procura-se Johnny"! Hehehe. Acho que tu poderias investir na idéia; ninguém iria perceber nada. Hehehehe.

*é sacanagem, tá bom? :D

Tu comentastes sobre a saudade do johnny, e eu fiquei pensando no quanto cachorro é um bicho que a gente se apega de verdade, né? Eu tenho duas aqui em casa - a Nina e a Eugênia. Duas ótimas companhias!

Então...Que bom que gostou do trabalho, Cris! É realmente legal, saber o que cês acham.

Bjão pra ti, e passo no teu blog sim, pra conferir a edna!

Creative Commons License Obras licenciadas sob uma Licença Creative Commons.
Tecnologia do Blogger.